Comércio Virtual tem boas perspectivas de crescimento

SOCIEDADEWEB_COMERCIO_ELETRONICOUm novo estudo apontou que o comércio eletrônico no Brasil deve crescer 25% ainda neste ano, superando a marca dos R$ 22 bilhões que o setor movimentou no ano passado.

Quem tem negócios na internet pode comemorar. É que um novo estudo apontou que o comércio eletrônico no Brasil deve crescer 25% ainda neste ano, superando a marca dos R$ 22 bilhões que o setor movimentou no ano passado.

O levantamento confirma e fortalece ainda mais a tendência das vendas pela internet, que surgiu para ficar e atrair milhares de “consumidores virtuais”. Segundo Luís Felipe Cota, cofundador e diretor de Marketing da Goomark, “o mercado está crescendo, já que a comodidade e a segurança das compras feitas pela internet atraem um público cada vez maior. Para ele, a mudança de comportamento do consumidor representa uma oportunidade de fazer os negócios alavancarem”.

Além de ser um bom momento para empresas investirem no setor, também é um bom momento para fazer compras on-line.

Segundo Alan Correa, idealizador do BateCabeça – um novo buscador de preços na internet – além da comodidade de fazer compras sem precisar sair de casa e receber a mercadoria na porta de casa, a internet também proporciona uma economia ao bolso dos consumidores.

“Nosso site, por exemplo, reúne as melhores ofertas da internet e indica aos internautas as lojas mais confiáveis, pois avaliamos a empresa vendedora em rigorosos quesitos. Podemos perceber a grande diferença de preço entre a loja física e a virtual, que sempre oferece maiores descontos e vantagens ao comprador”, comenta.

Influências

Luís Felipe, da Goomark, disse ainda que o aumento dos dispositivos móveis é um dos responsáveis pelo aquecimento do setor. “As compras pela internet não são novidade no Brasil, mas o modo como é possível realizar a compra faz diferença. As adaptações de sites para esses dispositivos e o tipo de comunicação que chega ao usuário gera interesse”, explica.

Recentemente, atendendo à demanda e exigência do mercado, o Batecabeça criou uma versão especial para quem deseja acessar o buscador de preços pelo celular. Quem tem celular conectado à internet, pode acessar o Batecabeça através do aparelho que a versão especial de acesso mobile aparecerá automaticamente, facilitando ainda mais a compra, independe do lugar onde o consumidor esteja.
Fonte:  bagarai